JOVEM APRENDIZ 2018 X EMPRESAS

O Programa Jovem Aprendiz 2018 do governo federal tem como objetivo incluir os jovens no mercado de trabalho, estimulando as empresas a oferecerem um programa de aprendizagem remunerado com baixa carga horária para jovens de 15 a 24 anos em todos Brasil.

Saiba tudo sobre o Jovem Aprendiz 2018 X Empresas. Conheça mais sobre as leis e a posição das empresas em relação ao Jovem Aprendiz. Para saber mais sobre Jovem Aprendiz 2018 X Empresas, acompanhe as informações a seguir.

JOVEM APRENDIZ 2018 X EMPRESAS

Empresas preparando os profissionais do futuro!

No Brasil, todo jovem com idade entre 14 e 24 anos incompletos pode ser um Jovem Aprendiz. O programa foi lançado no intuito de possibilitar que os jovens brasileiros consigam o primeiro emprego e possam receber uma qualificação profissional de qualidade.

As empresas brasileiras, buscando aprimorar cada vez mais seus produtos e serviços, precisam contar com profissionais experientes e qualificados, e com isto os jovens encontram tremenda dificuldade para conseguir o primeiro emprego. Mas graças ao Jovem Aprendiz, milhares de jovens em todo o país já conseguiram o primeiro emprego através do programa, além de adquirir qualificação e experiência profissional, assim, ao término do programa estes jovens têm muito mais facilidade para conseguirem conquistar um novo emprego.

Quem pode se inscrever no Jovem Aprendiz 2018?

Para se inscrever no programa, o jovem deverá estar cursando o ensino médio ou fundamental, caso ainda não tenha concluído seus estudos. É importante ficar atento aos requisitos da empresa quando for se inscrever em uma vaga do programa Jovem Aprendiz, para saber a faixa etária exigida pela empresa e também a respeito dos estudos, pois algumas empresas aceitam jovens aprendizes que estejam cursando o ensino fundamental, porém outras só aceitam as inscrições dos jovens que já estejam cursando o ensino médio.

O Programa Jovem Aprendiz 2018 do governo federal tem como objetivo incluir os jovens no mercado de trabalho, estimulando as empresas a oferecerem um programa de aprendizagem remunerado com baixa carga horária para jovens de 15 a 24 anos em todos Brasil.

A jornada de trabalho deve ser de no máximo 6 horas diárias, de segunda a sexta-feira, sendo que para os jovens aprendizes que já concluíram seus estudos, é permitida uma jornada de trabalho de 8 horas diárias, porém, neste caso, já deverão estar computadas as horas que são destinadas à aprendizagem teórica.

Jovem Aprendiz 2018 – Inscrição

Ao entrar para o programa Jovem Aprendiz, o jovem deverá ter um Contrato de Trabalho Especial com a empresa, sendo que este contrato deverá ter uma duração máxima de 2 anos, e deverá ser feita ainda a anotação na Carteira de Trabalho do jovem aprendiz, com salário mínimo/hora mais os direitos trabalhistas e previdenciários que são garantidos por lei.

Para garantir que mais empresas participem do programa Jovem Aprendiz, o Governo oferece incentivos fiscais e tributários, por exemplo, o FGTS recolhido do Jovem Aprendiz é de 2%. A empresa também conta com a dispensa do Aviso Prévio remunerado, isenção de multa rescisória, não tem acréscimo na contribuição previdenciária se for uma empresa optante pelo simples, entre outros benefícios.

Em 2018 muitas serão as empresas que estarão abrindo inscrições para o programa Jovem Aprendiz e através do link abaixo você poderá encontrar muitas destas oportunidades que em 2018 estarão sendo anunciadas: http://www.indeed.com.br/